LP ESTÚDIO
Luciano Pessoa é designer, arquiteto, professor e quase músico. Pós-graduado em Design e mestre em Comunicação, dirige seu estúdio em São Paulo desde 1989, com clientes como Natura, SESC, Museu de Arte Moderna de São Paulo, Instituto Tomie Ohtake, Museu de Arqueologia e Etnologia da USP, e projetos nas áreas de imagem e comunicação corporativa, design editorial, e projetos para internet, música e exposições.

LP atua como professor na Universidade de Mogi das Cruzes, tendo também lecionado nas universidades Paulista, Anhembi Morumbi, Metodista de Piracicaba, e organizado o curso Música e Coragem no MAM Museu de Arte Moderna de São Paulo e na Escola da Vila/SP.


Outros

LP Estúdio participa de edição especial da Experimenta Design Magazine #59, Madri/Espanha, que traz 70 páginas dedicadas ao design brasileiro, 2007.

Na Universidade Anhembi Morumbi, LP participa como palestrante no seminário Faces do Design, 2007.

Em 2007, LP publica o texto Palavra, terra de sonho (Projeto AXIAL). Antes, publicou a crônica Mais memória (Revista Mac+, 2006), e resenhas de música brasileira (Tratore, 2004).

Projetos e entrevistas publicados em Ases da capa (Donnelley Cochrane, 2000), Revista Abigraf (entre 1990 e 2011), Revista Design Gráfico, Revista Anave (2003). E outros trabalhos antigos publicados no Adobe Print Gallery.

LP organiza a mesa-redonda Design, Metáfora e Cultura n'A Casa: Museu do Objeto, com a participação de Moema Cavalcante, Rafic Farah, João Roberto Peixe, Alexandre Wollner, Guto Lacaz, Aguilar, entre outros, 1999.

LP participa do projeto do núcleo histórico 50 Projetos Brasileiros 1945-1995 na 4ª Bienal ADG de Design Gráfico, com Cecilia Consolo, Claudio Ferlauto e outros, 1998.

Publicação de "O livro de Luciano Pessoa"' (texto/ilustração) no O livro da gráfica, de C.Ferlauto e H.Jahn, Hamburg, 1998.

Com Rafic Farah, LP organiza o núcleo de Artes Gráficas no projeto Bienal da Criança, coord. Carlos Barmak, Vera Barros, Zá Spiegel e Wania Forghieri. Fundação Bienal SP, 1995.




CONTATO
pessoaestudio@gmail.com



HOME   |   INFO   |   RECENTES   |   ESPACIAIS   |   LIVROS   |
InterInclusão

A partir de uma disciplina no curso de Design na Anhembi Morumbi, comecei a reunir para os alunos notas e atualizações sobre acessibilidade, em um blog que depois ganhou vida própria.


Prêmios

O projeto Sem pensar nem pensar, de Sergio Molina e Miriam Maria, com design gráfico e videocenário de Luciano Pessoa, recebe os Prêmios ProAC 2009 (gravação CD) e 2011 (circulação), Secretaria de Estado da Cultura.

O CD Maria Alcina confete e serpentina, produzido por Maurício Bussab, projeto gráfico de LP, recebe o Prêmio de Música Brasileira (SHARP, TIM) de melhor disco de 2009.

PretoBrás - O livro de histórias e canções de Itamar Assumpção, de Luis Chagas, Mônica Tarantino e Clara Bastos (orgs.), com design de LP, recebe o Prêmio APCA Associação Paulista de Críticos de Arte, 2007.


Clientes / Parceiros

ABMI Associação Brasileira da Música Independente • ACAM Portinari • Ana Fridman • Ateliê Lu Grecco • Cassiano Polesi • Cia Patética • Cid Campos • VIII Eladepac • HQS Consulting • Il Dolce Ballo • Instituto Lira • Instituto Romã • Instituto Tomie Ohtake • Kipling • Liliane Mayo • MAE Museu de Arqueologia e Etnologia USP • MAM Museu de Arte Moderna de São Paulo • Mauricio Bussab • Mawaca • Miriam Maria • Museu Índia Vanuíre • Natura Cosméticos • Núcleo Contemporâneo • Rhodia • Semana da Canção Brasileira • Sergio Molina • SESC/SP • Spin Music • Teatro Sobrevento • Teca Oficina de Música • Telefônica • Tratore Música • Yazbek Portaro Advogados




Acima, a pesquisa CaosForma realizada na pós USP/Maria Antônia, que depois gerou um artigo publicado na Revista ICCI #3, Seminário Internacional Imagens da Cultura / Cultura das Imagens. Univ. Aberta/PT, Univ. Presbiteriana Mackenzie. Org. Ariane Cole.

• Download da Revista no site da Universidade Aberta/PT.
• Mais informações.



.
Música

Como músico e compositor, LP se apresenta eventualmente em São Paulo e tem canções gravadas por Andrea Marquee, Roger W. e Lu Horta. A canção O que aconteceu com nosso amor? foi premiada no MTV Video Music Brasil (clipe de Sylvain Barré) e integrou a trilha sonora da novela A Lei do Amor (Globo).




A canção A Carta da Lua foi gravada por Lu Horta no CD Paraíso Eu (e aqui ganhou o sapateado da Mawa).





LP atuou na peça músico-teatral Fim de Feira, dirigida por Hans Joachim Koellreutter e Teca Alencar de Brito, registrada depois no DVD que integra o livro Koellreutter educador.